Como o SEO pode ajudar o meu negócio?

Sumário
    Add a header to begin generating the table of contents

    A sigla SEO é frequentemente utilizada por quem gosta, estuda ou trabalha com marketing digital. Você sabe o que ela significa e por que é importante para seu negócio?

    SEO significa “Search Engine Optimization”. Em português, a expressão é traduzida para “otimização dos motores de buscas”. Trata-se de um conjunto de técnicas aplicadas a sites e blogs para que eles fiquem em boas posições no ranking de pesquisas do Google.

    Imagino que você deve estar se perguntando o que o SEO tem a ver com o seu negócio, não é mesmo? É simples: 92% dos consumidores pesquisam na internet antes de comprar, de acordo com a consultoria TNS Research International.

    Isso quer dizer que a maioria das pessoas está na internet procurando os mais variados produtos e, provavelmente, os seus potenciais clientes também! Se a sua empresa não aparece entre os primeiros resultados de busca você está perdendo possíveis vendas.

    Pensando nisso, a seguir vamos te mostrar mais vantagens do SEO e dar dicas valiosas para ajudar o seu negócio! Vamos lá?

    Entenda as vantagens do SEO

    Já mencionamos no início do post que quase todos os consumidores pesquisam na internet sobre produtos e serviços antes de decidir pela aquisição, certo? Por isso, a busca na web é um fator determinante no processo de compra.

    Dessa forma, acredito que você já tenha compreendido o quão essencial são as técnicas de SEO para que seu site ou blog seja visto. No entanto, saiba que não para por aí! Há outras vantagens de ranquear bem a sua página.

    Confira algumas delas:

    Autoridade no mercado

    Até mesmo aqueles que não têm muita familiaridade com a internet — e muito menos com o marketing digital — sabem que os primeiros resultados do Google são os mais relevantes. Assim, isso interfere diretamente na imagem que o consumidor tem da sua empresa.

    Ora, se você está entre os primeiros resultados, isso quer dizer que você é reconhecido como autoridadedo assunto pesquisado pelo usuário e que o seu conteúdo tem mais qualidade entre tantos outros que estão nas páginas seguintes.

    É claro que, para isso, você realmente precisa dispor de bons conteúdos para que o público reconheça a utilidade do seu site ou blog — de modo que você se torne uma referência, gerando mais confiança no consumidor.

    Além disso, essa é uma maneira de fazer com que esses conteúdos de qualidade sejam linkados por outros sites e, assim, gerar mais tráfego orgânico — ou seja, não pago — para o seu site. Aliás, essa é uma das estratégias de SEO que falaremos mais adiante.

    Site de fácil navegação para os usuários

    O Google define uma série de parâmetros para que um site ou blog seja bem ranqueado. Obviamente, esses algoritmos são bem pensados de forma que a navegação na página seja a melhor para os usuários.

    A exigência de páginas responsivas — adaptadas para dispositivos móveis, como tablets e smartphones —, por exemplo, se justifica porque o acesso à internet pelo smartphone já ultrapassou o uso do computador. Portanto, ao seguir as estratégias de SEO do Google, é natural que o seu site fique mais organizado e intuitivo, reduzindo as taxas de rejeição.

    Tráfego qualificado para o seu site ou blog

    De nada adianta o seu site bombar em visitas se grande parte desses usuários não estão buscando o que sua empresa oferece. As técnicas de SEO não visam apenas atrair mais pessoas para sua página, mas sim os visitantes certos, que realmente podem se interessar pelos seus produtos e serviços.

    Aplique as estratégias de SEO em seu site ou blog

    Depois de toda a teoria, vamos ao que interessa: a prática! São muitas estratégias de SEO que você pode aplicar no seu site ou blog — a seguir vamos mostrar as principais. Você verá que algumas delas têm relação direta com as vantagens do SEO que mencionamos acima.

    Acompanhe!

    Faça uma lista de palavras-chave relacionadas ao seu negócio

    As pesquisas nos buscadores são feitas por palavras-chave. Dessa forma, o primeiro passo do SEO é pensar quais são as palavras-chaves diretamente relacionadas à sua empresa e que são utilizadas pelo público que você quer atingir.

    Um bom começo para fazer sua lista é entender seu público-alvo. Faça um brainstorm com sua equipe, pergunte a amigos e conhecidos como eles pesquisariam na internet determinado assunto relacionado a seu negócio.

    Questione seu departamento de vendas sobre quais palavras seus clientes costumam usar quando procuram por seus produtos ou serviços. Outra boa prática para definir sua lista de palavras-chave é ser específico.

    Suponhamos que você pesquise o termo “tênis”. Provavelmente você encontrará muitos resultados e terá muitos sites concorrendo para ficar bem ranqueados por essa palavra, certo? No entanto, se escolhe uma expressão como “tênis feminino de corrida”, você segmenta o público, facilitando a busca e o ranqueamento de sua página.

    Para finalizar, existem várias ferramentas de palavras-chave gratuitas, com funções diversas, para ajudar você nesse momento. Uma das mais conhecidas é a Google Trends, que possibilita descobrir quais são as pesquisas realizadas pelos usuários sobre determinado assunto.

    Assim, você consegue saber quais as principais consultas feitas acerca de um tema.

    Utilize as palavras-chave na otimização de sua página

    Quando o robô do Google busca os sites que têm mais relação com a palavra-chave que foi digitada pelo usuário, ele observa uma série de elementos — como título da página, subtítulos e imagens. Isso é feito para conferir se o conteúdo do site tem relação com o que o usuário procura.

    Na programação HTML do seu site, todas as páginas possuem um título (<title>). É ele que vai aparecer em destaque na página de busca e, por isso, é extremamente importante. A Home do seu site, por exemplo, não deve ter como título “home”, porque se trata de um termo genérico e não descreve o seu negócio.

    Cada uma das páginas de seu site deve ter um título com uma das palavras-chaves da lista que você fez e que tenha relação com o conteúdo dela. Outro elemento importante para o SEO é a URL de seu site. Ela também deve conter a palavra-chave que você quer que seja encontrada pelos internautas.

    Uma terceira dica é colocar as palavras-chave também no nome dos arquivos das imagens utilizadas no site e na descrição alternativa da imagem (ALT Text), aquela que aparece quando a imagem não é carregada. Fique atento, pois o robô do Google considera todos esses elementos.

    Construa autoridade

    Lembra quando falamos a respeito dos benefícios do SEO e que um deles era mostrar a autoridade da sua empresa no mercado? No tópico sobre o assunto estávamos falando sobre isso de uma maneira geral. No entanto, esse também é um quesito importante para o ranqueamento do seu site nos mecanismos de busca.

    A autoridade de um site está diretamente relacionada às referências feitas a ele. No passado, o que contava para o robô do Google era a quantidade de links de outras páginas que direcionavam para seu site. Atualmente, é mais importante que os sites que fizerem links para você tenham relação com o seu conteúdo e também tenham autoridade.

    Para que você entenda melhor: se seu negócio é uma loja de carros, não adianta ser citado em 50 sites sobre moda, culinária, saúde ou outro assunto que não tenha conexão com a sua empresa. Mais vale ser linkado uma única vez em um site de uma revista de automobilismo.

    O Google tem aprimorado as técnicas de SEO para que, cada vez mais, os resultados das buscas feitas pelos usuários ofereçam um conteúdo de qualidade. Isso quer dizer que você precisa ter em mente que seu site deve ter informações úteis, que atendam às expectativas das pessoas.

    Para isso, é preciso que seu site ou blog seja atualizado com frequência, com informações relevantes e interessantes da sua área, não apenas com posts sobre seus produtos e serviços.

    Invista na experiência do usuário

    Quando falei sobre a facilidade da navegação para os usuários, eu estava me referindo exatamente a isso: a experiência do usuário. Basicamente, a experiência do usuário consiste nos sentimentos que uma pessoa tem ao utilizar um produto ou serviço (no nosso caso, o seu site/blog).

    São percepções em relação à utilidade, à navegação, à eficácia do sistema e à usabilidade, por exemplo. Ou seja, além da navegação agradável do visitante a página, a experiência do usuário tem impacto também no ranqueamento do Google. A seguir, listamos alguns aspectos importantes:

    • sites responsivos;
    • imagens de alta qualidade;
    • páginas consistentes, com tamanhos de fontes, títulos, cores e espaçamentos adequados;
    • carregamento rápido das páginas;
    • funcionalidades do site úteis e de fácil acesso.

    Essas são algumas informações essenciais para você que deseja aplicar as técnicas de SEO no site ou blog da sua empresa. Ressaltamos que o emprego dessas estratégias nunca têm fim, já que os motores de busca estão sempre alterando os critérios de ranqueamento.

    Sem contar que o seu concorrente também sempre busca aperfeiçoar suas ações com a intenção de melhorar o posicionamento nos mecanismos de busca, assim como você.  Portanto, esteja sempre atento aos resultados e aprimorando as estratégias para estar nas primeiras posições.

    Quer saber mais vantagens do SEO e receber mais dicas como essas? Assine a nossa newsletter para receber nossos conteúdos em primeira mão!

    Acesse também a página inicial da Mobilizze – Agência de Marketing Digital em Brasília

    Cadastre-se conteúdos exclusivos!
    Compartilhe o post
    Vamos marcar um bate papo?
    Preencha os dados abaixo para agendarmos nossa conversa
    Marketing Digital alinhado à vendas

    Diagnóstico de marketing digital

    Para iniciarmos o diagnóstico precisamos de alguns dados.

    Obrigado pelo interesse em nosso diagnóstico!

    A partir dessas informações vamos
    fazer uma análise prévia sobre sua presença digital e lhe propor ações para o atual momento do seu negócio.

    Assim que finalizado seu diagnóstico, vamos entrar em contato para agendar uma reunião, ok?