Entenda as principais diferenças entre marketing e propaganda

Você sabe qual a diferença entre marketing e propaganda? Por serem áreas correlatas, muitos empresários não conseguem entender a diferença de conceito e aplicabilidade de cada uma dessas estratégias na rotina da empresa.

Porém, é importante saber do que elas tratam e como podem auxiliar a empresa. É certo que tanto o marketing quanto a propaganda buscam atingir os mesmos objetivos: fortalecer a marca, conquistar clientes e aumentar as vendas e os lucros.

Mas para que atinjam esses objetivos, as duas são desenvolvidas de forma diferente, o que as torna estratégias complementares entre si e que, quando adequadamente implementadas, fazem toda a diferença para o sucesso de um negócio.

De uma forma geral, podemos afirmar que o marketing busca planejar todas as ações que envolvam o processo de vendas. A propaganda, por sua vez, tem como foco a atração e conquista de clientes.

Ficou curioso? Continue a leitura que vamos abordar em detalhes a diferença entre essas duas práticas. Acompanhe!

O que é marketing?

O objetivo de qualquer empresa é oferecer produtos e/ou serviços que atendam às demandas de um ou mais públicos. Só assim será possível se manter e crescer dentro de um mercado.

Mas para que isso ocorra, é preciso criar mecanismos que reforcem a sua marca como a melhor opção para os seus clientes, conquistando sua preferência e fidelidade. Esse deve ser um processo contínuo na rotina empresarial.

Esse é o propósito do marketing: potencializar a marca da empresa para conquistar e fidelizar clientes e, consequentemente, alavancar as vendas e aumentar os lucros.

Os fundamentos do marketing estão baseado em quatro pilares, conhecidos como “os 4 P´s”:

  • Produto (e também serviço): trabalha os diferenciais do produto ou serviço da empresa em comparação com outros produtos ou serviços disponíveis no mercado. O que a sua empresa oferece deve ser mais atraente e tem melhor qualidade.
  • Público: busca encantar os clientes (atuais e potenciais), a partir do reconhecimento dos seus desejos, expectativas, hábitos de compra, dentre outros aspectos.
  • Praça: aborda os canais de distribuição — pontos físicos ou de e-commerce —, buscando criar facilidades para que o seu público tenha acesso ao produto ou serviço oferecido.
  • Preço: estabelece o valor de comércio do produto ou serviço, sempre com foco na competitividade no mercado e no propósito de beneficiar o cliente.

Para agregar valor à marca com efetividade, cada um desses pilares precisa ser desenvolvido a partir de ações específicas, mas são simplesmente indissociáveis. Se optar apenas um ou outro, a empresa dificilmente encontrará o ponto de equilíbrio do negócio.

Por isso, o marketing é uma estratégia extremamente essencial para qualquer empresa ou negócio, independentemente do porte ou ramo de atuação.

O que é propaganda?

Dentro da rotina empresarial, a propaganda utiliza, de forma estratégica, os diversos canais e ferramentas de comunicação disponíveis para difundir a marca e as mensagens da empresa. A ideia é despertar o interesse das pessoas para determinado produto ou serviço e fazer com que decidam contatar a sua empresa para, finalmente, fechar negócio ou comprar o ideal da sua marca.

E para a definição da estratégia de divulgação, é necessário identificar os pontos fortes e fracos do seu negócio e de seus concorrentes, assim como ter amplo conhecimento de quem é o seu público. Esses dados servirão de subsídio para que possa desenvolver as peças de propaganda ideais para alavancar o seu negócio.

Devo investir em marketing ou propaganda?

Estrategicamente, você deve investir em ambos. O marketing te faz pensar e estruturar o seu processo de vendas de maneira ampla, levando a uma compreensão mais profunda do mercado e do próprio negócio. Isso, porém, não é suficiente para obter sucesso e nem para conquistar e fidelizar a sua cartela de clientes.

É preciso “colocar a boca no mundo” e mostrar tudo o que a sua marca tem a oferecer ao seu cliente. Dessa forma, a propaganda entra como um “braço” do marketing voltado para criar, estreitar e fortalecer o relacionamento do seu público com a sua empresa, fazendo com que eles escolham fazer negócios com você (e não com os seus concorrentes).

Gostou de aprender sobre a diferença entre o marketing e propaganda? Então deixe um comentário para a gente com as suas ideias, opiniões e dúvidas!

Os 5 pecados capitais de redes sociais para empresas pequenas

As redes sociais para empresas pequenas são excelentes alternativas para divulgar o negócio e fortalecer a marca com um custo relativamente baixo. Porém, antes de sair criando perfis nas diversas plataformas digitais, é preciso ter atenção a algumas questões para que o seu trabalho dê resultados.

É certo que o sucesso vem após muitos testes e experimentações — uma rotina que faz parte do universo do marketing digital. Porém alguns erros se mostram bastante comuns entre os empresários e gestores e, por isso, podem e devem ser evitados na hora de montar uma estratégia online.

Neste artigo, separamos cinco dos principais erros cometidos nas redes sociais para empresas pequenas. Não deixe de acompanhar os próximos parágrafos!

1. Não fazer um planejamento

Provavelmente, esse é o erro mais comum cometido pelas empresas. Muitos empresários e gestores acreditam que basta criar uma conta e publicar qualquer tipo de conteúdo em seus perfis para que tenha um trabalho de marketing. Mas não é por aí! É preciso elaborar um planejamento.

Para ter um bom retorno em seu trabalho nas mídias sociais, é necessário traçar metas e objetivos, identificar o público que pretende alcançar, produzir conteúdo, criar calendário de publicação, dentre outras ações. A boa coordenação dessa estratégia é que garante o sucesso.

2. Não fazer integração entre suas redes sociais

Site, newsletter, blog, fan page no Facebook, perfil no Instagram, conta no Twitter, canal no YouTube… São vários meios de comunicação digital que podem ser usados por uma empresa, mas que acabam sendo trabalhadas individualmente e não de maneira integrada por seus gestores.

Todos esses canais online possibilitam integração entre si. Dessa forma, é de grande importância que eles sejam trabalhados em conjunto, um complementando o outro.

Integrando suas redes sociais, o alcance das suas campanhas será maior e as possibilidades para as suas ações de divulgação aumentarão consideravelmente.

3. Não supervisionar e acompanhar a estratégia

Não é qualquer conteúdo que pode ser publicado em seus perfis corporativos nas redes sociais. É preciso ter cuidado com o que será postado e, para que não saia nada errado, é preciso acompanhar de perto o material que irá para a internet. Todo cuidado é pouco e ajuda a evitar crises de imagem.

Além disso, evite que erros de português e outros deslizes pequenos se tornem públicos. Instrua o responsável pelas redes sociais sobre esses aspectos e confira se tudo está correndo bem.

4. Deixar o bom senso de lado

Redes sociais são usadas para interação. Tenha sempre isso em mente. As pessoas querem expor suas ideias, compartilhar suas opiniões e interagir — tanto com outros usuários quanto com as marcas.

Dentro desse processo, existem elogios e críticas. E nos dois casos é preciso ter bom senso, sobretudo quando se trata das interações negativas, que tendem a incomodar empresários e gestores.

Xingamentos, grosserias e até mesmo a falta de resposta podem minar a credibilidade da empresa. Siga outro caminho e pense em fórmulas para cuidar da insatisfação do cliente e contornar a situação.

5. Não contar com profissionais especializados

Gerenciar perfis nas redes sociais não é uma tarefa fácil e exige atenção a uma série de questões: relacionamento com o público, produção gráfica, produção de texto, planejamento e estratégia, monitoramento, dentre outras ações. E esse trabalho fica ainda mais difícil quando se tem que gerenciar um negócio.

Dessa forma, contar com o apoio de uma agência especializada em marketing digital pode ajudar a melhorar os seus resultados nas redes sociais, já que você terá o apoio de profissionais especializados no setor.

Gostou deste artigo sobre os erros nas redes sociais para empresas pequenas? Então deixe um comentário para a gente, com as suas ideias e opiniões!

Facebook para negócios: tire aqui suas dúvidas e conquiste seus fãs

Atualmente, o Facebook é a maior rede social do mundo, com 2 bilhões de usuários ativos por mês, segundo o último levantamento divulgado pela plataforma.

Além da grande audiência, o canal oferece boas ferramentas para as empresas que querem divulgar seus produtos e serviços. E o sucesso se deve principalmente ao seu alto poder de segmentação do público e a possibilidade da mensuração de resultados.

Apesar de o Facebook dispor de tudo o que uma empresa precisa quando o assunto é marketing digital, é preciso compreender que para obter resultados positivos, algumas ações são fundamentais.

Pensando nisso, a seguir vamos ensinar 3 dicas para você aprender a construir credibilidade da sua marca com o Facebook para negócios. Vamos lá?

1. Crie uma página para o seu negócio

O primeiro passo para tornar o Facebook um canal profissional da sua empresa é criar uma página (que também é conhecida como fan page).

Além das ferramentas necessárias para alcançar o seu público, as páginas permitem que um número ilimitado de usuários siga sua empresa, diferente do perfil tradicional, que limita o número de amigos.

Sem contar que as fanpages também fornecem informações valiosas, com relatórios que te ajudam a avaliar o retorno das suas ações e o que precisa ser aprimorado.

Se você utiliza um perfil pessoal para sua empresa, e quer ter essas e outras vantagens, não tem problema! O Facebook permite que o perfil seja transformado em uma Página. Assim, os amigos que você já tem, tornam-se fãs.

O único problema é que o conteúdo não é migrado, ok? Para isso você precisa baixar o material do perfil  antes e depois inserir na nova Página.

A plataforma dispõe de todas as informações em sua Central de Ajuda.

2. Invista em conteúdos de qualidade

De nada adianta criar uma página para sua empresa e não publicar com frequência ou mesmo postar conteúdos que não tem a menor utilidade para o seu público. Portanto, é essencial que ele tenha qualidade e desperte o interesse nos usuários.

A marca de esmaltes Risqué, por exemplo, constantemente posta conteúdos incríveis em sua página no Facebook.

A empresa posta fotos e vídeos alegres e coloridos, mostra a tecnologia dos esmaltes e as últimas novidades, dá dicas de cores para as melhores ocasiões, e as mulheres ainda podem mandar fotos de suas mãos para que sejam publicadas.

É bem interessante, pois tudo isso é feito com uma linguagem bem próxima e íntima do seu público.

Então, vamos lá! Para criar um bom conteúdo é necessário:

  • conhecer bem o seu público;

  • ter um cronograma para se organizar;

  • observar as últimas tendências do mercado;

  • diversificar nos formatos (o Facebook permite a publicação de vídeos, fotos, textos etc);

  • investir nos anúncios pagos com o Facebook Ads para alcançar um público maior.

3. Acompanhe os resultados

As curtidas, comentários e compartilhamentos são importantes na hora de analisar os resultados das ações, mas não são o bastante! Além desses indicadores, o Facebook para negócios disponibiliza outras informações essenciais para as empresas.

Na parte de “Publicações” você pode consultar várias métricas com dados que possibilitam a avaliação do retorno das campanhas. Abaixo, destacamos algumas informações disponíveis:

  • impressões, informando o número de vezes que sua publicação foi exibida;

  • número de pessoas alcançadas;

  • cliques em publicações nos links redirecionando os usuários para outras páginas;

  • total de exibições do vídeo e detalhes de comportamento das visualizações.

Lembre-se de analisar esses números de maneira constante. Afinal, são eles que vão norteá-lo para os próximos passos, aumentando a probabilidade de obter resultados cada vez melhores!

Agora que falamos a respeito da importância do Facebook para negócios, continue seus estudos: neste post, contamos tudo sobre o Instagram For Business, que também é essencial para você construir credibilidade da sua marca. Confira!

Como uma agência de marketing digital pode otimizar minha estratégia?

Sem dúvidas, o marketing digital apresenta muitas oportunidades para pequenas e médias empresas se destacarem na internet. Dentre os principais benefícios de investir nessa estratégia está a possibilidade de mensurar os resultados a qualquer momento.

Isso possibilita identificar possíveis erros e alterar campanhas o quanto antes. Dessa forma, você otimiza as ações e aumenta o retorno sobre o investimento. Afinal de contas, o universo online é dinâmico e permite alterações mesmo que um anúncio ainda esteja sendo veiculado, por exemplo.

No entanto, para obter resultados expressivos com o ambiente virtual é preciso ter bastante conhecimento e tempo. Por essa razão, contratar uma agência de marketing digital é a melhor solução para ter sucesso com as ações digitais.

A seguir, vamos te mostrar as principais vantagens de investir nessa parceria. Acompanhe!

Otimização de tempo

Planejar, executar e mensurar qualquer estratégia de marketing digital requer muita dedicação e empenho. No entanto, a maior parte das empresas não conta com uma equipe completa de marketing e sim com um profissional responsável por todas as demandas da área.

Com essa sobrecarga de atividades, fica praticamente impossível conquistar resultados satisfatórios no mundo virtual.

Ao contratar uma agência, a empresa direciona todas as tarefas estratégicas para especialistas. Sendo assim, você pode centralizar os seus esforços em outras atividades importantes que geram valor para o negócio e otimizar tempo.

Aumento do seu ROI

É fato que ter um retorno satisfatório é o objetivo de boa parte das empresas, mas nem todas fazem as escolhas certas para alcançarem essa conquista. A seleção de uma agência é o primeiro passo para aumentar os seus resultados. A expertise desses profissionais garante que as estratégias aplicadas sejam as mais eficazes para o negócio.

Além disso, como o acompanhamento do desempenho das ações é constante, os especialistas identificam rapidamente os pontos que devem ser aperfeiçoados. Assim, o retorno sobre o investimento é cada vez mais significativo.

Profissionais extremamente qualificados

O marketing digital exige profissionais multidisciplinares e, ao mesmo tempo, muito específicos. Existem inúmeras ferramentas disponíveis, que demandam qualificação para manuseá-las.

Além do mais, novas metodologias surgem a todo o momento e esses profissionais precisam se atualizar. As certificações de cursos de curto prazo são muito valorizadas e atestam a qualidade dos especialistas que trabalham nessas agências.

Portanto, investir nessa parceria é uma oportunidade de deixar o negócio nas mãos de quem realmente entende. Consequentemente, os resultados serão alcançados de forma bem mais eficiente.

Acesso às ferramentas mais eficazes

É fato que a maioria das estratégias de marketing digital necessita do apoio de alguma ferramenta. Como uma agência atende vários clientes, ela tem acesso com maior facilidade às melhores ferramentas do mercado. Essa expertise garante também que o seu negócio fique por dentro das maiores tendências.

Afinal, o relacionamento dos especialistas com as maiores plataformas, como Google, Facebook e outras, é muito próximo. Ou seja, essa é uma ótima oportunidade de sair na frente e se destacar da concorrência.

Experiência em diversos segmentos da agência de marketing digital

Contratar um time com talentos multidisciplinares e com expertise em vários segmentos é muito positivo para o negócio. Esses profissionais sabem exatamente o que funciona e o que não deve ser aplicado em cada área de atuação.

Em vez de perder tempo testando muitas opções, esses especialistas já identificam os melhores caminhos para atingir os objetivos da empresa.

Ficou claro que a contratação de uma agência de marketing digital é indispensável para conquistar os resultados desejados. No entanto, escolher a parceira ideal pode não ser tão simples assim. Por isso, dê uma olhada também nas nossas dicas de como escolher uma agência de marketing digital para entender como prosseguir de agora em diante!

 

Como provar que estratégias de Marketing Digital funcionam de verdade?

As estratégias de marketing digital oferecem uma série de oportunidades para as empresas que buscam fortalecer a sua marca e suas ações de divulgação. Além de possuir um custo relativamente baixo, as campanhas digitais conseguem ser mensuradas com mais facilidade e segurança.

É um processo diferente do que acontece nas campanhas offline, em que os resultados são difíceis de serem medidos. Dessa forma, uma empresa não consegue determinar com certeza as razões que levaram uma campanha a ter sucesso ou não. Isso prejudica os processos de divulgação do negócio.

O marketing digital, por sua vez, conta com as Key Performance Indicator (KPI). Um conjunto de métricas que permite a uma marca medir o resultado de suas campanhas no ambiente digital. Essas informações conseguem comprovar se as campanhas e ações funcionam ou não.

Aprenda conosco mais sobre essa parte importante do marketing digital:

O que são KPIs?

Os KPIs ou indicadores chave de performance são de grande importância para medir se uma ou mais iniciativas estão atendendo os objetivos propostos pela equipe de marketing.

Sites, blogs e mídias sociais contam com milhares desses indicadores, o que gera um grande número de informações para o negócio.

Assim, é essencial definir quais desses KPIs serão acompanhados e avaliados pela sua empresa. Afinal, nem todos os indicadores terão aplicação prática junto aos objetivos do negócio e das campanhas de divulgação e relacionamento online.

Como escolher bons KPIs?

Assim como mencionamos no tópico anterior, os KPIs devem estar sempre alinhados ao objetivo do negócio. Se você busca aumentar as visitas em seu site, não vai ser acompanhando a quantidade de likes no Facebook que vai encontrar as informações que precisa.

Os KPIs medem a performance de diversas ações. Assim, é importante acompanhar os indicadores que têm relação com os seus objetivos, pois são eles que vão orientar as suas estratégias de marketing digital e garantir que sua empresa consiga obter os resultados esperados e melhorar o desempenho a cada campanha.

Quais KPIs são importantes?

Nos próximos parágrafos separamos alguns dos principais indicadores para a sua estratégia de marketing digital. Confira!

Taxas de conversão

As conversões são aquelas visitas que atingem uma meta do negócio. Pode ser download de algum material, preenchimento de formulário ou a compra de algum produto no e-commerce. Dessa forma, a taxa de conversão consiste no número de conversões pela quantidade de acessos no site.

Essa métrica ajuda a empresa a entender quais ações de comunicação conseguem aumentar o número de conversões e quais delas não geram resultados.

Custo por lead

Com esse KPI é possível saber o valor de cada lead gerado pela sua empresa. Para chegar a esse resultado é necessário dividir a quantidade investida no marketing digital pelo número de leads gerados — que são observados a partir das diferentes fontes de tráfego que a empresa possui.

Ticket médio

Esse indicador consiste na avaliação da média de compra de cada cliente. Ele é determinado por meio da divisão entre o faturamento e as vendas realizadas para aquele cliente no período. É um KPI bastante importante para as empresas que trabalham com o e-commerce.

Com as informações geradas por essa análise, é possível avaliar o desempenho do negócio, como tem funcionado as suas vendas e qual o comportamento de compra de seus consumidores.

Gostou deste artigo sobre como avaliar se as estratégias de marketing digital funcionam? Então você está pronto para a próxima etapa: faça o download do nosso e-book com o passo a passo do marketing digital!

Terceirizar o Marketing Digital ou investir internamente?

Que o marketing digital tem sido uma das ferramentas mais poderosas atualmente, quando o assunto é divulgação de produtos e serviços de empresas, já não é mais novidade.

Para que você tenha uma ideia, o investimento em publicidade online no Brasil cresceu 26% em 2016, em relação ao ano anterior, com um faturamento de R$11,8 bilhões, de acordo com o estudo Digital AdSpend 2017.

O problema é que, quando uma empresa decide investir em estratégias no meio digital, surge uma grande dúvida: terceirizar o marketing digital ou investir internamente? A seguir vou te mostrar como funciona cada opção, com seus prós e contras. Continue a leitura!

Terceirizar o marketing digital

Reuniões, projetos, vendas, lançamentos de produtos, fornecedores, recursos humanos… Essa é só uma parte das tarefas e setores de uma empresa a pleno vapor!  É complicado conciliar isso tudo, não é mesmo?

Mas deixar de investir no marketing digital para ter um processo a menos não é a solução. Afinal, com os novos hábitos de consumo, é impossível sobreviver no mercado sem estar inserido na internet.

A solução que muitas empresas encontram é a terceirização do marketing digital. E será mesmo que vale a pena? Reflita comigo com os prós e contras abaixo:

Prós

  • Equipe especializada, com profissionais gabaritados para desenvolver e monitorar as campanhas;

  • resultados mais rápidos, pois as empresas estão focadas apenas na execução dos objetivos acordados;

  • custos mais baixos, já que o gasto com equipe interna, treinamento e ferramentas de trabalho pode sair bem mais caro do que contratar uma agência;

  • acesso às melhores tecnologias e ferramentas de marketing digital.

Contras

  • Falei anteriormente que os custos podem ser bem menores, mas ainda é preciso verificar se seu orçamento é compatível com a contratação de uma agência;

  • se você é daqueles que gosta de estar no controle de todos os processos da empresa, a terceirização pode não ser o ideal, pois não dá para delegar decisões a todo momento a uma equipe externa;

  • a agência contratada pode não atender às suas expectativas por várias razões, por exemplo, por falha de comunicação.

Investir internamente no marketing digital

Muitas empresas têm profissionais na equipe que possuem as aptidões necessárias para tocar as estratégias de marketing digital. Sem contar, que o dinheiro para investimentos às vezes está tão curto, que não há como se pensar em ter mais um gasto com as campanhas online.

Nesse caso, investir internamente no marketing digital pode ser a solução, certo? Veja comigo os prós e contras dessa escolha:

Prós

  • Ao contrário da terceirização, com uma equipe interna é possível ter mais controle de todas as ações;

  • se você deseja manter apenas na média nas estratégias online, uma equipe interna pode atender suas expectativas;

  • os colaboradores de uma equipe interna conhecem o dia a dia da empresa e, portanto, saberão mais sobre os seus produtos, serviços e posicionamento de mercado.

Contras

  • Mais uma vez os custos entram em questão: a contratação de apenas um funcionário pode ter o valor maior do que de uma agência, além de gastos com equipamentos, tecnologias e treinamentos;

  • torna-se necessária a gestão de uma área que geralmente não é especialidade da empresa;

  • dificuldade em contratar um profissional que consiga desempenhar todas as funções envolvidas no marketing digital como estratégia, produção de conteúdo, design, conhecimento em diversas ferramentas etc.

Essas são algumas vantagens e desvantagens da terceirização e do investimento interno no marketing digital. É preciso entender que não existe uma fórmula pronta para as estratégias, especialmente o Inbound Marketing.

Para conseguir bons resultados, é necessário planejamento, conhecimento, acompanhamento contínuo das métricas, entre outras etapas envolvidas que são fundamentais em uma campanha.

Reflita sobre as possibilidades e necessidades da sua empresa e encontre o melhor caminho. E se preferir a opção de terceirizar o marketing digital, não deixe de entrar em contato com a gente!

Presença digital da empresa: por que é importante e como avaliar?

Diariamente milhares de pessoas utilizam a internet como fonte de informação e de consumo. As marcas já não podem mais menosprezar o potencial que o marketing digital oferece para gerar negócios.

Por essa razão, a maioria das empresas já começou a investir na criação de uma presença digital. Quer saber o que significa isso? Continue a leitura!

Mas afinal, o que significa presença digital?

Muitas empresas se enganam ao pensar que a presença digital se resume em apenas estar no universo online. Essa apresentação na internet deve ser acompanhada de uma estratégia. Ou seja, a presença digital consiste em um conjunto de táticas para posicionar uma marca de maneira positiva na rede.

Por que ter uma presença digital é importante para o negócio?

Basicamente se o seu negócio ainda não está na internet, ele não existe para os consumidores. As pessoas pesquisam o tempo todo sobre diversos produtos e serviços e se a sua marca não estiver lá, elas vão interagir com a concorrência.

Outra vantagem em estar na rede de maneira estratégica é a oportunidade de acompanhar de perto as menções relacionadas à empresa. Nos dias de hoje, ainda que uma marca não esteja no ambiente digital, as pessoas falam sobre ela naturalmente na rede.

Por esse motivo, estar presente no universo virtual é fundamental não só para contornar críticas, mas também para identificar possíveis parceiros e obter insights que contribuem no aprimoramento do negócio de forma geral.

Como otimizar a presença digital da minha empresa?

Ficou claro que não é possível separar mais a internet do comportamento dos consumidores, não é mesmo? Sendo assim, é melhor que o seu negócio se adapte o quanto antes. Apresentamos a seguir, as principais dicas para otimizar sua presença no ambiente digital.

Priorize a experiência do usuário

Seja qual for o ponto de contato com o público é fundamental que ele tenha uma experiência positiva com a sua marca. Por isso, crie um site responsivo, que se adapta facilmente à tela de qualquer dispositivo. Desse modo, a qualidade das informações transmitidas não será prejudicada e o usuário terá uma experiência agradável.

Produza conteúdo relevante

O marketing de conteúdo está se popularizando cada vez mais entre as marcas. Criar conteúdo de qualidade é uma excelente estratégia para se posicionar e ganhar autoridade no ambiente digital. Assim, cada vez mais pessoas vão se conectar com a sua marca e, no momento da decisão de compra, elas vão priorizar a empresa que se relaciona com elas frequentemente.

Criar uma persona é essencial para produzir conteúdo de qualidade. Ao entrevistar alguns clientes, é possível conhecer mais sobre o perfil do seu comprador ideal. Dessa forma, o conteúdo terá o propósito de ajudar a persona a resolver suas principais dores.

Interaja com o seu público

Outra forma de otimizar a presença digital de uma marca é utilizar as redes sociais como canais de relacionamento com o público. Além de produzir um conteúdo diversificado, que não esteja focado apenas em divulgar os produtos e serviços, é preciso interagir com as pessoas.

Potencialize o alcance da sua marca

As estratégias conhecidas como SEO, que são aplicadas com objetivo de melhorar o posicionamento de uma página no Google, são muito eficientes. No entanto, para atingir um alto volume de tráfego, é preciso ter paciência, pois os resultados aparecem em longo prazo. Para maximizar o alcance de forma mais rápida, é preciso investir em mídia online, no Google AdWords.

Além do mais, a concorrência entre as empresas nas redes sociais está muito acirrada e os anúncios são excelentes formas de destacar um conteúdo na internet. No Facebook Ads, por exemplo, é possível ampliar consideravelmente o alcance de uma marca.  

Como avaliar a força de uma presença digital?

A mensuração de resultados deve ser constante, por isso, é preciso analisar o volume de visitantes do site, o engajamento gerado nas redes sociais, a qualidade dos leads gerados, dentre outros elementos.

Para manter uma presença competitiva na internet é de suma importância estar atento a todos os aspectos mencionados neste artigo. Afinal, uma presença digital estratégica reúne a aplicação de todas essas ações.

Gostou do conteúdo? Então compartilhe com os seus amigos nas suas redes sociais!

 

Criação de Logo em Brasilia DF: Logo eficiente e eficaz para empresas

A criação de logotipo para empresa é uma tarefa de extrema importância, os logos são um aspecto crítico no marketing de uma empresa, seja ela de pequeno, médio ou grande porte. É a mais importante representação gráfica da empresa, os logotipos são a manifestação mais visível da empresa dentro do mercado. A agência Mobilizze tem grande experiencia na criação de logo em Brasilia DF.

Um logotipo bem elaborado deve ser parte essencial da estratégia de marketing da empresa, um bom logo deve ser único e compreensível para um cliente potencial. Se bem concebido implica em um alto grau de profissionalismo, com um mercado competitivo dos dias atuais, essa pode ser uma importante diferença entre a sua empresa e um concorrente com logotipo abaixo do padrão.

Instagram for Business: conheça a nova ferramenta para vender no Instagram

Em junho deste ano, o Instagram anunciou o lançamento de uma ferramenta para empresas.  Chamada de Instagram for Business, a plataforma inclui novos perfis de negócios, métricas e a possibilidade de criar anúncios dentro do aplicativo. A utilização da mídia social para negócios não é novidade, já que muitas marcas têm apostado no Instagram para ganhar audiência e engajar o público. No entanto, a mensuração de resultados ainda era muito incipiente e não dava uma visão holística dos resultados das ações na rede. Mas isso em breve irá mudar.